Ataque Ransomware pode ter custado US$300 milhões à FedEx

185

A empresa comprou a unidade TNT Express, que sofreu um golpe de NotPetya em junho, interrompendo grande parte de sua operação de frete.

A FedEx adquiriu a exportadora holandesa TNT Express no ano passado por 4,8 bilhões de dólares, muito antes do ransomware NotPetya ter feito um baita estrago nos sistemas da TNT em 27 de junho, interrompendo grande parte de sua operação de frete. Como o primeiro surto WannaCry, NotPetya usou uma falha do Windows provida de um vazamento NSA espalhar software espião por rede.

De acordo com a FedEx, apesar de seus serviços e sistemas críticos terem sido restaurados, "o volume, receita e lucro da TNT Express ainda permanecem abaixo dos níveis anteriores". Isso resultou em 300 milhões de dólares a menos em sua receita operacional, e a empresa elevou a estimativa de integrar os sistemas da TNT com os seus próprios recursos de  $75 milhões em relação às estimativas anteriores.

FONTES

000webhost logo