Chega de passar do ponto, Google Maps vai te acordar na hora de descer do ônibus

Para quem gosta de tirar aquele cochilo no transporte público, o Google Maps está prestes a ganhar um recurso que vai despertar o passageiro quando ele estiver chegando no seu ponto de destino.

O Google Maps está prestes a ganhar um recurso ótimo para quem aproveita as viagens de ônibus para tirar um cochilo. De acordo com o TechCrunch, o aplicativo deve lançar em breve uma ferramenta que guia o usuário em tempo real por um trajeto desejado, mandando até mesmo notificações quando for a hora de descer do ônibus ou do trem.

Quando o usuário procurar pelo trajeto para chegar a determinado local, verá um botão "iniciar" na parte inferior da tela. Ao clicar nesse botão, o usuário começará a receber notificações na sua tela inicial com as orientações do que fazer para chegar ao seu destino (por exemplo: "caminhe até a Rua X, número Y", "pegue a linha amarela sentido leste", "embarque no ônibus XYZ" ou "desembarque agora").

Por exemplo: você pode embarcar no ônibus que o Google Maps orientar, e depois não precisa ficar conferindo o app para saber quando tem que descer. Na hora que você tiver que se preparar para desembarcar, o aplicativo enviará uma notificação que fará seu celular vibrar, e então você saberá. A imagem abaixo mostra como essas notificações devem ser:


					Google Maps para Transporte Público
					
Google Maps para Transporte Público

Tutorial de como chegar

Como o Engadget aponta, as notificações também são interativas, o que significa que você pode conferir os passos anteriores de sua viagem. Assim, você pode garantir que pegou o ônibus no ponto certo ou que embarcou no metrô com o destino correto. Esse recurso deixa o Google Maps mais parecido com outros aplicativos de transporte público que já tinham recursos parecidos, como o CityMapper e o Transit.

Ainda não há indicações precisas de quando o novo recurso deve começar a funcionar. No entanto, o site acredita que alguns usuários devem receber a atualização ao longo dos próximos dias. Com isso, usuários que queiram usar o recurso daqueles outros aplicativos de transporte vão poder fazer isso usando um app que provavelmente já está instalado em seus celulares.

FONTES

www.000webhost.com