Corretoras suspendem negociações após queda de 50% da bitcoin

A queda acentuada no valor da bitcoin e outras criptomoedas obrigou diversas corretoras a suspender a compra e venda dos valores virtuais por tempo indeterminado.

A queda acentuada no valor da bitcoin e outras criptomoedas obrigou diversas corretoras a suspender a compra e venda dos valores virtuais por tempo indeterminado.

Esse final de dezembro não está sendo muito bom para bitcoin e outras criptomoedas. Após bater recordes atrás de recordes, chegando perto da alta histórica de US$ 20 mil, a moeda virtual mais famosa do mundo encara agora a maior queda do ano.

Em um dia, o valor da bitcoin caiu em 23% e chegou a menos de US$ 13 mil na manhã desta sexta-feira, 22. Segundo o acompanhamento em tempo real do Coindesk, desde que chegou a US$ 19 mil, em 17 de dezembro, a criptomoeda só perdeu valor.

No Brasil, a queda foi ainda mais acentuada, passando de 50% em 24 horas. Algumas casas de câmbio que vendem bitcoin no Brasil tiveram que suspender as negociações, como foi o caso da Mercado Bitcoin, como apurou o Tecnoblog. A Foxbit e Mercado Bitcoin também suspenderam as negociações para impedir que os preços caiam mais ainda.

TechCrunch destaca que não é só a bitcoin que tem visto os preços despencarem nas últimas horas. A ethereum, outra moeda virtual que cresceu muito durante o ano, viu seu valor cair em 27% nas últimas 24 horas. A litecoin, por sua vez, perdeu 30%.

De acordo com a análise do site coinmarketcap.com, quedas semelhantes podem ser vistas em quase todas as outras criptomoedas mais populares, incluindo monero, Zcash, tether e muitas outras. Ninguém sabe dizer ao certo o que tem feito os valores despencarem tanto.

A queda foi global e atingiu todas as principais criptomoedas do mercado, incluindo ethereum, litecoin e muitas outras. Num ano em que a bitcoin, sozinha, cresceu mais de 1.300% em relação ao dólar, a queda de quase 30% em 24 horas tem sido encarada com preocupação.

Essa queda acentuada no valor da bitcoin e outras criptomoedas nesta sexta-feira, 22, obrigou diversas corretoras a suspender a compra e venda dos valores virtuais por tempo indeterminado. Coinbase, a maior corretora de bitcoin do mundo, foi uma delas.

Ainda não se sabe o que tem feito o valor das moedas virtuais despencar tanto em tão pouco tempo. Este pode ser "o estouro da bolha", como previam alguns especialistas, ou apenas um breve movimento de correção.

FONTES

Free Web Hosting