Preço da Bitcoin cai drasticamente após Coréia do Sul sugerir proibição da moeda

75

As autoridades coreanas podem procurar impor novos regulamentos sobre a moeda ou até proibir a negociação das moedas inteiramente.

O preço da bitcoin caiu 18% nesta terça-feira, 16, após a China também considerar proibir a negociação em criptomoeda, conforme relata a Reuters. Na semana passada, a moeda virtual já tinha apresentado queda de 21% após o governo da Coreia do Sul afirmar que iria proibir o usa da criptografia em transações.

No início do dia, o valor da moeda girava em torno de US$ 11 mil e está subindo lentamente para a marca de US$ 12 mil. Já outras moedas, como Ethereum e Riple, apresentaram quedas maiores, de 23% e 33%, respectivamente.

A queda ocorreu em meio a sugestões crescentes na Coréia do Sul que as autoridades podem procurar impor novos regulamentos sobre a moeda. O ministro das Finanças, Kim Dong-yeon, sugeriu que o país poderia proibir a negociação das moedas inteiramente, na pendência de uma revisão do governo.

O governo disse que os planos são apenas uma sugestão e que são necessárias mais conversas. Mas outro ministro do governo disse que a negociação poderia ser banida na semana passada, provocando uma nova venda instantânea, e os planos já levaram 200 mil pessoas a solicitarem o governo pedindo para manter a negociação bitcoin legal.

No ano passado, o governo chinês aumento o controle sobre as mineradoras e proibiu as operações internar de câmbio de criptomoedas e a oferta inicial. Agora, parece que o país quer impedir o acesso às plataformas internacionais de negociação.

FONTES

www.000webhost.com