Empresa de segurança encontra 8 apps da Play Store infectados com vírus

Segundo a empresa de segurança, mais de 120 mil usuários do Android podem ter sues Smartphones infectados.

Segundo a empresa de segurança, mais de 120 mil usuários do Android podem ter sues Smartphones infectados.

Os usuários do Android precisam ficar atentos. A PSafe identificou na última quinta-feira, 13, oito aplicativos maliciosos dentro da Google Play Store, sendo que mais de 120 mil smartphones podem ter sido infectados.

Os aplicativos suspeitos são:

  1. Call Recorder,
  2. HDR Wallpapers,
  3. Girls HD,
  4. Girls Collection,
  5. Wallpapers HD+,
  6. SmartRingtones Lite,
  7. Light Booster Cleaner e
  8. QR Reader & Generator.

Segundo a empresa de segurança, o vírus permanece dormente até o celular ser reiniciado; é então ativado um código malicioso que, 15 minutos depois, começa a monitorar a existência de conexões Wi-Fi.

Com uma rede de internet, o vírus completa o ciclo de instalação e se conecta a um servidor remoto para receber comandos e fornecer informações do smartphone infectado, tal como modelo de aparelho e operadora de telefonia.

 Após a infecção estar completa, o hacker consegue roubar o histórico de chamadas e mensagens SMS recebidas e enviadas, efetuar ligações, instalar novos aplicativos, além de ter acesso a comandos específicos para roubar fotos do usuário.

“Mesmo as lojas oficiais de aplicativos não estão 100% imunes à ação de hackers, podendo ser alvo de ataques. Por isso, é fundamental que o usuário esteja sempre atento às permissões de acesso que concede”, explica Emílio Simoni, gerente de segurança da PSafe. Além disso, é importante que o usuário tenha um antivírus instalado no smartphone.

FONTES

Free Web Hosting