Pesquisa explica porquê é tão difícil abandonar as redes sociais

245

O Departamento de Comunicação da Universidade Estadual do Michigan afirma que, nós humanos, estamos sendo condicionados a frequentar esses espaços.

Segundo a pesquisadora Allison Eden, do Departamento de Comunicação da Universidade Estadual do Michigan, as pessoas se sentem bem ao acessas as redes sociais. Um pequeno exemplo disso, é o logotipo do Facebook, que é capaz de despertar uma resposta prazerosa, o que mostra que nós, humanos, estamos sendo condicionados a frequentar esses espaços.

"As pessoas estão aprendendo essa sensação de recompensa quando usam o Facebook", explicou a pesquisadora, em estudo publicado esta semana na revista “Cyberpsychology, Behavior and Social Networking”. "O que nós mostramos com esse estudo é que mesmo algo simples como o logo do Facebook, ver o mural de um amigo ou qualquer outra coisa associada ao Facebook, é suficiente para trazer de volta as associações positivas."

Dois estudos foram realizados com usuários frequentes e ocasionais por Allison e seus colegas das universidades holandesas Vrije e Radboud. Os resultados mostraram que entre os usuários frequente, uma pequena exposição a símbolos relacionados à rede social causa uma resposta prazerosa, que dispara o desejo. E essa combinação, de prazer e desejo, torna o Facebook difícil de resistir.

Provavelmente, trata-se de um comportamento aprendido, como quando uma criança aprende que fazer pirraça atrai a atenção das pessoas, ou quando cachorros aprendem que fazer as necessidades num determinado local faz com que ele ganhe um biscoito. E essas respostas aprendidas são difíceis de serem quebradas.

Como foram feitos os estudos

Na primeira pesquisa, os participantes foram expostos a imagens relacionadas ao Facebook ou aleatórias, para o grupo de controle. Logo depois, era mostrado um símbolo chinês. Então, os participantes foram questionados se este símbolo era prazeroso ou não.

Após serem expostos à imagem relacionada ao Facebook, usuários frequentes classificaram o símbolo chinês como prazeroso com maior frequência que os usuários ocasionais, mostrando uma conexão entre a rede social e uma resposta prazerosa.

Na segunda parte da pesquisa, os participantes foram orientados a medir o seu desejo ao uso do Facebook, e novamente os usuários frequentes demonstraram maior vontade em usar a rede social. Este sentimento é uma das maiores barreiras para quem quer reduzir o tempo gasto nesses programas.

Segundo Allison, ao cair em tentação, muitas pessoas sofrem com o sentimento de culpa. Se elas tentam regular o uso do Facebook e falham, elas se sentem mal, então entram no Facebook como uma forma de buscar alívio e se sentem culpadas novamente:

"É um ciclo de fracassos na autorregulação."

E o sentimento de culpa é mais danoso para a psique dos indivíduos do que falhar em controlar o uso das redes sociais. Para ajudar nesse processo, a pesquisadora propõe que as pessoas removam símbolos relacionados ao Facebook dos ambientes que frequenta, como apagar o logotipo da tela principal do celular.

"A mídia, incluindo as redes sociais, é um dos hábitos com mais fracassos para regular", disse Allison. "As pessoas tentam se regular e realmente encontram dificuldade."

Recomendados

  • Rover da NASA encontrou uma "bola de canhão" em Marte

    Pesquisadores estrangeiros dizem que a suposta bola de canhão foi lançada durante uma antiga guerra marciana.

  • NASA divulga foto da superfície de Júpiter capturada pela sonda Juno

    A sonda que registrou esta imagem é famosa por impressionar pelas capturas de imagens de Júpiter e suas luas, mas dessa vez a imagem chamou muito mais atenção do que de costume.

  • CHEGA DE DÚVIDAS!

    Sete perguntas sobre bitcoin que você teria vergonha de perguntar

    Está ouvindo seu amigos falarem na tal da bitcoin e não faz ideia do que se trata? Chegou a hora de tirar essa e outras dúvidas. Confira.

  • Transporte público brasileiro contará com reconhecimento facial para evitar fraudes

    O sistema identifica se as características do utilizador são a mesmas do titular do cartão, com base no que foi cadastrado no banco de dados do sistema de transporte público.

  • Receita Federal fará leilão de iPhones, Macbooks e diversos produtos

    Se você perdeu as promoções de Black Friday, não se preocupe, Receita Federal está dando uma nova oportunidade para este natal.

  • Ex-prefeita que diruiu cidade por WhatsApp é condenada a 20 anos de prisão

    Conhecida como "prefeita ostentação", Lidiane Leite foi condenada a 20 anos e um mês de prisão e terá de pagar uma multa por fraude na compra de caixões.

  • Título de Eleitor digital já poderá ser usado em 2018, veja como

    O App do e-Título já está disponível para download e fornecerá informações sobre quitação eleitoral, dados sobre cadastramento biométrico e endereço do local de votação, no mapa com geolocalização.

  • Bancos pagarão dinheiro de planos Bresser, Verão e Collor em 2018

    Acordo entre bancos pretende encerrar quase 1 milhão de processos que tramitam na Justiça referentes aos planos Bresser, Verão, Collor 1 e Collor 2.

  • Aquecimento Global: Cientistas propõem bloqueio parcial do Sol

    Para que Terra possa esfriar um pouco, cientista propôs bloquear de forma parcial a radiação solar absolvido pelo nosso planeta.

  • Compartilhar

    www.000webhost.com